Dicionário de Política: Absolutismo

I. O ABSOLUTISMO COMO FORMA ESPECÍFICA DE ORGANIZAÇÃO DO PODER. — Difundido na primeira metade do século XIX, para indicar nos círculos liberais os aspectos negativos do poder monárquico ilimitado e pleno, o termo-conceito Absolutismo proporcionou vários equívocos sobre sua essência. Continue reading

O Capital: A Jornada de Trabalho

  1. Os limites da jornada de trabalho

Partimos do pressuposto de que a força de trabalho seja comprada e vendida pelo seu valor. Seu valor é determinado pelo tempo de trabalho necessário à sua produção. Se, portanto, a produção dos meios de subsistência médios diários do trabalhador exige 6 horas, então a parte necessária de sua jornada de trabalho Continue reading

Era dos Extremos: Terceiro Mundo e Revolução

I

O Primeiro Mundo era política e socialmente estável quando começara a Guerra Fria global. O que quer que fumegasse sob a superfície do Segundo Mundo, era abafado pela tampa do poder do partido e da potencial intervenção militar soviética. Por outro lado, muito poucos Estados do Terceiro Mundo atravessaram o período Continue reading

Brasil, Uma Biografia: Introdução ou “O Brasil Fica Bem Perto Daqui”

Se muitos são os eventos, contextos políticos e culturais que assinalam os mais de cinco séculos de existência nacional, alguns traços insistem em comparecer na agenda local. Um deles é justamente a nossa difícil e tortuosa construção da cidadania. No percurso deste livro teremos oportunidade de acompanhar Continue reading

Lua Nova: Eleições e Representação

A alegação que conecta a democracia e a representação é que na democracia os governos são representativos porque são eleitos: se as eleições são concorridas livremente, se a participação é ampla, e se os cidadãos desfrutam das liber­dades políticas, então os governos agirão em favor do inte­resse da população. Continue reading