Projeto Nacional: O Dever da Esperança – Introdução

COMPARTILHE:
Share

ANTES DE MAIS NADA…

A REVISÃO GERAL DESTE LIVRO ocorreu antes de qualquer notícia sobre o novo coronavírus. Mas a pandemia não elimina a necessidade de promovermos as reformas e mudanças que proponho. Continue reading

Projeto Nacional: O Dever da Esperança – Uma Proposta de Empoderamento dos Brasileiros

COMPARTILHE:
Share

CIRO GOMES APRESENTA NESTE LIVRO sua proposta para o Brasil. Nele se combinam qualidades que raramente vemos juntas: inteligência vigorosa, curiosidade intelectual, conhecimento íntimo dos negócios de Estado, audácia e clareza na construção de proposta nacional e coragem para enfrentar os obstáculos que se opõem à sua efetivação. Continue reading

O Capital: Conceito da Mais-Valia Relativa

COMPARTILHE:
Share

A parte da jornada de trabalho que apenas produz um equivalente do valor da força de trabalho pago pelo capital foi até agora por nós considerada uma grandeza constante. Se o tempo de trabalho necessário era constante, a jornada de trabalho total, ao contrário, era variável. Continue reading

O Capital: Taxa e Massa da Mais-Valia

COMPARTILHE:
Share

Da consideração feita até agora sobre a produção da mais-valia resulta que não se pode transformar qualquer soma de dinheiro ou de valor em capital, mas que essa transformação pressupõe certo mínimo de dinheiro ou de valor de troca nas mãos do possuidor individual de dinheiro ou de mercadorias. Continue reading

Dicionário do Pensamento Marxista: Ricardo e Marx

COMPARTILHE:
Share

Marx considerava David Ricardo como o ponto de partida do seu próprio trabalho teórico, mas sempre se empenhou em distinguir claramente a sua teoria da de Ricardo. Embora Ricardo postule como princípio geral que os preços relativos são regulados pelo tempo de trabalho incorporado no produto (o que é a sua principal contribuição científica), ele não estabelece a fundamental distinção entre o trabalho abstrato (que produz valor) e o trabalho concreto (que produz valores de uso). Em consequência disso, como a necessidade e as funções do dinheiro só podem ser explicadas por meio da categoria de valor de uma mercadoria (quantidade socialmente necessária de tempo de trabalho abstrato), Ricardo não compreende o que o dinheiro é realmente. Continue reading